quarta-feira, 5 de maio de 2010

Eu li num livro 2

Livro: A Jangada de Pedra
Autor: Saramago
Doses de sabedoria:
* "... se não pensara nas consequências de um acto que parecia não ter sentido, e esses, rercodai-vos, são os que maior perigo comportam..."

* "... porque de mais nos tem ensinado a experiência quando são insuficientes as palavras à medida que nos aproximamos da fronteira do inefável, queremos dizer amor e não nos chega a língua, queremos dizer, quero e dizemos não posso, queremos pronunciar a palavra final e percebemos que já tínhamos voltado ao princípio."

* "Nem todas as coisas nascem umas para as outras, respondeu Joana Carda, o que, apesar de óbvio, comporta não pouca filosofia."

* "As notícias são palavras, nunca se chega bem a saber se as palavras são notícias."

* "... não queria chegar antes dele, e muito depois também não, a harmonia possível das coisas depende do seu equilíbrio e do tempo em que acontecem, não cedo demais, não tarde demais, por isso nos é tão difícil alcançar a perfeição."

* "... se agora eu pudesse, Pedro Orce, dizia-te uma coisa, Que coisa me dirias, Que já sei de quem gostar, Parabéns, há quem tenha tardado muito mais, ou nunca o venha a saber..."

* "... mas a verdade é que as pessoas sabem todas muito mais do que julgamos, a maior parte delas nem sonha a ciência que tem, o mal está em quererem passar por aquilo que não são, perdem o saber e a graça..."

3 comentários:

Luiz Gustavo Leme disse...

peguei A JANGADA DE PEDRA ontem para ler, hermana. tô vendo que vai ser um livro e tanto! :)

disse...

Tally!!nem sei mexer direito aqui, mas ameei seu blog!!!demais mesmo!!!
Muito legal!!!


camila boschini(camila morena!)

Blower's Daughter disse...

Oi, querida!!
Não li o livro, mas adoreeei esss fragmentos aqui citados!!! Ótimos!^^
Adoro seus posts, pq vc sempre tem algo interessante a dizer, mesmo qdo o faz nas palavras de outrem!:)
Te adoro!!!
Bjokas!!!