terça-feira, 30 de setembro de 2008

The guy that ignores you

Tenho conversado muito com ele. Ou tentado. Confesso que por muitas vezes é um tédio: ele não responde, eu não sei se ele tá me ouvindo. Eu peço pra ele me orientar e nada. Eu nunca escutei a suposta voz de trovão dele. Eu tento simplificar, fazer perguntas que podem ser respondidas com "sim"e "não", mas nada. Tudo bem, eu não esperava que ele balançasse a cabeça, mas, poxa, o cara tem o poder de sacudir o Universo se ele estiver no clima. Ele nem tosse. Nem suspira. Eu falo, falo, falo, reclamo, peço, agradeço, exponho minhas dúvidas, levanto hipóteses, falo mais, acabo chorando. Nada. Um enorme monólogo. Aí eu sempre termino dizendo "Já que você não quer falar, me dá um sinal, pelo menos". Ele não dá. Ou eu não entendo os sinais dele.

Será que ele é surdo?

Lincoln Six-Echo: What's "God"?
McCord: Well, you know, when you want something really bad and you close your eyes and you wish for it? God's the guy that ignores you.
(The Island, 2005)

4 comentários:

Fernanda Bello disse...

Confesso que tb converso muito com ele. Não é que ele não responde, é que ele já sabe o que vai acontecer. Tem um momento certo pra ele tomar uma atitude. E na maior parte das vezes, o silêncio dele é a melhor atitude.
Beijo enorme.

Blower's Daughter disse...

Eu não acredito nele...portanto,sou eu que o ignoro. Na verdade,nos ignoramos!E é melhor assim.

Janete Andrade disse...

tem dias que qualquer 'Dele' já seria o suficiente... qualquer palavra 'Dele' acalmaria essa tempestade dentro de mim... :x

:*

Mari disse...

Minha próxima querida,
sabe às vezes ele dá sinais sem a gente pedir. Eles batem à nossa porta e nós fechamos os olhos... Talvez seja mais interessante, talvez mais cômodo, talvez a gente ache que não vale a pena enxergar e tentar mudar. Mudanças trazem o medo do novo consigo. E porque será que a gente sempre pensa que elas ve pra pior? Muitas vezes o que ns parece impossível numprimeiro momento, mostra-se maravilhosamente surpeendente!
Pense nisso!
"a gente quer ter voz ativa no nosso destino mandar...mas que chega a roda-viva e carrega o destino,pra lá..."